Para o tema da mecanização agrícola

Engenharia Agrícola
Print version ISSN 0100-6916
Eng. Agríc. vol.24 no.3 Jaboticabal Sept./Dec. 2004
doi: 10.1590/S0100-69162004000300030
ARTIGOS CIENTÍFICOS
MÁQUINAS E MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA

Sistema de monitoramento de perdas visíveis de cana-de-açúcar em colhedora de cana picada

Sugar cane loss monitor, adapted to a commercial chopper sugar-cane harvester

Jorge L. M. NevesI; Paulo S. G. MagalhãesII; Walter M. OtaIII

IEngº Mecânico, Centro de Tecnologia da Copersucar – CTC, Piracicaba – SP, Fone (0XX19) 3429.1814, e-mail: jorge-neves@copersucar.com.br
IIEngº Agrícola, Professor Titular, FEAGRI/UNICAMP, Campinas – SP
IIIAluno do curso de graduação em Engenharia Agrícola, FEAGRI/UNICAMP, Campinas – SP. Estagiário do CTC/Copersucar

——————————————————————————–

RESUMO

A área de cana colhida mecanicamente tem crescido, sobretudo em regiões com relevo até 12% de declividade, principalmente por ser essa uma forma de viabilizar a colheita de cana-de-açúcar crua a um custo competitivo. A adoção desse sistema introduz certos inconvenientes, tais como: aumento dos índices de matéria estranha na carga, o que, por sua vez, implica a redução da qualidade tecnológica da matéria-prima fornecida para moagem, e perdas de colmos e/ou frações no campo. A tentativa de reduzir tais índices, por meio do aumento da velocidade de saída de ar dos extratores das colhedoras, pode aumentar as perdas de matéria-prima em níveis inaceitáveis economicamente. Este trabalho avaliou o nível de perdas visíveis de lascas de cana, por meio do extrator primário da colhedora, para duas rotações do ventilador, monitorado por sensor de perdas de cana desenvolvido especialmente para esse fim. Em seguida, essas perdas foram relacionadas com a eficiência de limpeza da colhedora. Os resultados mostraram que a eficiência de limpeza do extrator primário (cerca de 85%), as perdas de cana-de-açúcar em geral (entre 5,68% e 2,51%) e a velocidade do ventilador estão diretamente relacionados. As perdas (totais), e principalmente lascas (entre 3,91% e 0,91%), apontaram diferenças significativas entre os tratamentos estudados.

Palavras-chave: cana crua, colheita, mecanização.

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-69162004000300030&script=sci_arttext&tlng=es

Livro em pdf:

Migração rural–urbana, agricultura familiar e novas tecnologias
Coletânea de artigos revistos
Editor técnico, Eliseu Alves. – Brasília, DF : Embrapa Informação Tecnológica, 2006.

http://extranet.agricultura.gov.br/PORTAL_MAPA/SPA/MIOLO.pdf#page=144

Anúncios

Um pensamento sobre “Para o tema da mecanização agrícola

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s