FAQ – Dúvidas sobre o que fazer é o que é sua auto-avaliação (sempre em atualização!)

Por favor, leia antes de concluir sua auto-avaliação e tentar encaminhá-la ou enviar uma pergunta por e-mail e/ou facebook! Sua resposta pode estar aqui:

Estudantes perguntam: Escrevi minha auto-avaliação on line, que era um texto sobre vários assuntos, porém esqueci de copiar, então o Tidia fechou pedindo senha/login novamente e perdi tudo. E agora?

Reposta: Faça e salve sua auto-avaliação off line, fora do ambiente do Tidia e depois copie na tela da atividade ou anexe um arquivo. Todos os que submeteram auto-avaliações, devido a ampliação dos prazos, podem também refazer e repostar nesse prazo maior. Assim todos têm chances de revisar e ampliar o que já foi feito, seja nesse prazo ou em outro maior, caso necessitem, o que poderá ser negociado por e-mail. Bom trabalho!!

Estudantes perguntam: Submeti a auto-avaliação dentro do prazo, mas ela foi devolvida. O que aconteceu e o que faço?

Resposta: A atividade foi devolvida porque, como os prazos foram ampliados, devido a inúmeras solicitações, era esse o recurso disponibilizado pelo Tidia para mostrar que seu prazo também ampliou e você também pode repostá-la, se quiser. O objetivo é ser justo com todos, pois mesmo os poucos que postaram, podem ter igualmente a oportunidade de revisar e ampliar seu trabalho e repostar, certo?

Espero que tenha esclarecido o que ocorreu e que você possa aproveitar a oportunidade da melhor maneira possível. Bom final de quadrimestre!

Estudantes perguntam: Eu submeti, além das outras atividades, a auto-avaliação, mas não deu certo. O que faço?

Resposta: As outras atividades eram basicamente para que você começasse a fazer seu trabalho e colocasse os links do seu blog individual e do seu grupo. Seus links precisam ser acrescentados na auto-avaliação, então serão considerados, independente das outras atividades. Caso você tenha tentado postar sua auto-avaliação e não tenha dado certo, tente novamente até o prazo final (12 e 15 de setembro) e, caso não consiga, envie por e-mail (andrea.santos@ufabc.edu.br). Boas tentativas!

Estudantes perguntam: Meu blog não ficou tão completo quanto eu gostaria e não consegui ler, ver filmes e pesquisar mais a fundo sobre o tema que escolhi. No meio do quadrimestre percebi que podia ter escolhido outro tema. Posso, na auto-avaliação, escrever tudo o que aconteceu e porque não consegui fazer um trabalho mais completo e colocar o conceito I no final, e depois mudar de tema e começar tudo de novo?

Resposta: Você pode escrever tudo o que fez, sem apagar porque mudou de tema! A ideia é que possa observar as idas e vindas do seu processo, que não tem um caminho linear. Pode optar pelo conceito I e ter mais tempo para desenvolver o caminho que gostou mais e ter orgulho e satisfação maior, com o que fez, além de auto-conhecimento sobre seu processo, certo?  E quando considerar que seu processo pode ter um desfecho, envie por e-mail o final da auto-avaliação com link do blog atualizado e conceito para ser alterado junto à Prograd, o que pode ser feito até o final do próximo quadrimestre!

Estudantes perguntam: Agora que vi o roteiro para auto-avaliação e estou vendo que fazer uma auto-avaliação não é tão fácil quanto pensei e obter esse A vai dar muito trabalho, pois as únicas atividades que fiz foi posts no blog, de notícias copiadas sem comentários ou reflexões com leitura de alguns dos textos da disciplina. Posso escrever isso na auto-avaliação e encerrar o processo, reduzindo meu conceito para C?

Resposta: Se você ficou nessa turma e se inscreveu no Tidia, teve a oportunidade de conhecer, desde o início do quadrimestre, o tipo de trabalho que foi proposto e ter optado até por sair e se matricular em outra turma, com outra metodologia, caso não achasse interessante ou considerasse muito dificil fazê-lo, pois tudo estava postado e explicado desde o início.

No entanto, considerando eventuais dificuldades que qualquer estudante pode se deparar durante o processo, como educadora responsável pela disciplina, posso, ao invés de reprovar, observar que você não conseguiu fazer, mas ainda pode ter a oportunidade de reconsiderar seu processo, e pode até mesmo ter mais um quadrimestre para isso, como escrevi, e então seu conceito, por enquanto, é I – incompleto, que pode ser alterado posteriormente, quando for feito o trabalho proposto. Como não há impacto no CR, você também pode simplesmente ignorar essa oportunidade e se matricular novamente na disciplina com outro professor e metodologia que considere melhor para o seu perfil.

No entanto, se você quer obter um conceito apenas para a aprovação, independente de qual for, existe uma proposta teórica e metodológica de trabalho acadêmico e não uma pura e simples negociação de conceitos para se livrar do que foi proposto, pois se agirmos assim esbarramos num problema ético profissional, que nos dá a oportunidade de, ao invés de punir ou “diminuir nota”, construir um aprendizado importante para um futuro profissional, e é por isso também que essas disciplinas da área de Humanas, às vezes tão desvalorizadas, constam da sua formação: para antecipar problemas e situações que você poderá enfrentar em sua vida profissional e dar a chance de se reposicionar, oportunidade que nem sempre será dada durante sua carreira.

Sendo assim, por favor, oriento que reescreva sua auto-avaliação honestamente, como começou a fazer agora, reconhecendo qual é a sua condição; qual foi sua participação ou porque ela não aconteceu; porque o seu primeiro foco para se auto-avaliar foi numa abordagem superficial de um tema de pesquisa que você teve a chance de escolher livremente e, portanto, poderia ter se dedicado melhor e mais intensamente a ele; o que aconteceu com a sua participação em grupo, que foi outra condição acordada pelos participantes da disciplina, por que houve/está havendo seu desinteresse e/ou sua impossibilidade em encarar essas dificuldades e problemas que foram colocados para sua formação acadêmica nesse momento da sua vida, mesmo com prazos ampliados; como esse tipo de auto-conhecimento pode ou não contribuir e quais perspectivas você pode visualizar para enfrentar essa situação em melhores condições futuramente; que relação isso pode ter com a carreira/curso que você pretende seguir e como você avaliaria honestamente um profissional ou futuro profissional que agisse da forma como está agindo agora.

Outra possibilidade de reflexão individual também é considerar que impacto esse nosso debate pode ter na sua formação profissional, pois poderia até pesquisar, comparar, traçar hipóteses sobre como seria a reação no seu ambiente de trabalho, como um futuro profissional, se fosse chamado a fazer esse tipo de atividades e a desenvolver habilidades que ainda não conseguiu construir plenamente (pesquisar, se expressar, criar, trabalhar em grupo, se auto-avaliar apresentando suas limitações e potencialidades) e se recusasse a fazer isso por considerar muito difícil e/ou trabalhoso.

Enfim, ao fazer uma auto-avaliação o foco é você, sua trajetória, e o tema de pesquisa é apenas mais uma ferramenta para isso, que pode ser também um conhecimento público a ser criado e disponibilizado para outros interessados, dando um retorno para a sociedade que investe na sua educação pública. Se você conseguir fazer isso, o conceito é apenas uma convenção, um detalhe, e você pode pleitear o que quiser, pois o que terá conseguido apresentar será muito mais valioso do que imagina, embora possa não parecer assim para você nesse momento. O mais importante nesse processo é ser honesto consigo mesmo e com quem você estabeleceu um acordo para desenvolver um processo de trabalho. Se os resultados de uma auto-crítica sincera podem não lhe parecer tão bons, o fantástico será o fato de ter sido capaz de fazer isso, o que aponta para um amadurecimento como ser humano e, evidentemente, para uma formação profissional mais complexa e de acordo com a realidade vivida.

Espero ter conseguido explicar quais são suas possibilidades de desfecho desse processo sempre educativo e desejo que faça boas escolhas e um bom trabalho, onde quer que se proponha a fazer algo. Atenciosamente, Andrea Paula

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s